25/08/2019 às 14:19:15

Náutico bate Santa Cruz e termina classificação como líder

Com gols de Diego, Jean Carlos e Jhonnatan, Timbu levou o jogo de forma tranquila até o fim.

Marlon Costa


Classificado e despreocupado, o Náutico recebeu um Santa Cruz precisando desesperadamente de uma vitória, neste sábado, para seguir vivo na Série C. Durante toda a semana que antecedeu o jogo, a dúvida seria sobre qual a postura do Timbu na partida. Entraria relaxado? Quando a bola rolou, o que se viu foi o oposto. Determinando, o Alvirrubro engoliu o adversário durante os 90 minutos. Sem piedade, os donos da casa venceram, por 3 a 1, ficaram com a primeira posição do Grupo A e, de quebra, eliminou o rival. Os gols do jogo foram marcados por com gols de Diego, Jean Carlos e Jhonnatan. Dudu descontou.


O Santa Cruz bem que começou melhor, indo para cima e com maior posse de bola no campo de ataque. Mas quando tinha a oportunidade de chutar, não concluía bem - muito longe disso. Os chutes eram horríveis e, assim, o Tricolor desperdiçou suas chances. Só depois dos 25 minutos foi que o Náutico começou a incomodar. E foi letal. Primeiro, Anderson salvou em uma cabeçada de Rafael Oliveira, mas depois não teve jeito. Também de cabeça, Diego abriu o placar. O Santa Cruz continuou indo para cima, mas com nervosismo e desorganização. Após afastar mal, Victor Lindenberg deu a bola nos pés de Jean Carlos, que bateu muito bem, de fora da área, e fez mais um. Àquela altura, as chances de classificação do Santa estavam indo para o ralo.


Se o Náutico já estava tranquilo, na volta do intervalo ficou ainda mais. Logo no início, Jhonnatan fez o terceiro. O jogo ficou na mão do Timbu, que passou a ter pouco trabalho. O Santa Cruz, que já estava afobado, errava mais. Nada dava certo para um time que era visivelmente nervoso. Após lance de Augusto, Dudu marcou o de honra. Mas tinha espaço para mais pelo lado dos donos da casa. O Timbu acumulou chances desperdiçadas, como a de Alvaro, que perdeu na pequena área. A festa poderia ter sido muito maior.

O Náutico ficou com a liderança do Grupo A, os outros classificados da chave são Sampaio Corrêa, Imperatriz e Confiança. O Santa Cruz, tido como um dos candidatos ao acesso, ficou fora. No outro lado da tabela, ABC e Globo foram rebaixados para a Série D.

Jean Carlos chegou nos Aflitos com fama de pegar bem na bola. Talento, inclusive, para cobrar falta. Envolveu-se até numa polêmica com Thiago, dia desses, por querer cobrar uma próximo à área. Fama, coisa e tal, mas faltava o gol. Ele veio, bem no estilo propalado pelo o jogador, nas entrevistas de apresentação, assim que chegou. Jean Carlos pagou com juros a demora. Foi um golaço.

A cobrança de escanteio foi qualquer coisa. Mas a subida do zagueiro Diego, para testar para o fundo das redes e vencer o bom goleiro do Santa Cruz, Anderson, também é de se tirar o chapéu. O homem, como se diz no futebol, foi no segundo andar para deixar o Náutico mais tranquilo no jogo. Só confirma a boa fase de Diego, nos dias atuais, intocável na zaga Timbu.


Dudu foi uma das principais figuras do Náutico, em 2018, na campanha que levou o Timbu para o mata-mata da Série C. Saiu e voltou para o Santa Cruz, este ano. Como não poderia deixar de ser, deixou o dele diante do ex-clube, confirmando que, quando se tem um "ex" em campo, se ligue no agora adversário, que a chance de ele marcar gol é grande.


A cobrança de escanteio foi qualquer coisa. Mas a subida do zagueiro Diego, para testar para o fundo das redes e vencer o bom goleiro do Santa Cruz, Anderson, também é de se tirar o chapéu. O homem, como se diz no futebol, foi no segundo andar para deixar o Náutico mais tranquilo no jogo. Só confirma a boa fase de Diego, nos dias atuais, intocável na zaga Timbu.


Dudu foi uma das principais figuras do Náutico, em 2018, na campanha que levou o Timbu para o mata-mata da Série C. Saiu e voltou para o Santa Cruz, este ano. Como não poderia deixar de ser, deixou o dele diante do ex-clube, confirmando que, quando se tem um "ex" em campo, se ligue no agora adversário, que a chance de ele marcar gol é grande.




Globo Esporte