02/10/2018 às 19:39:43

Presidente do Náutico projeta volta aos Aflitos.



Marlon Costa / Pernambuco Press


A medida que se aproxima a data da volta para os Aflitos, o torcedor do Náutico fica mais ansioso. O Timbu ainda não definiu um dia exato para o jogo que marcará o retorno do estádio. Mas, em entrevista ao GloboEsporte.com, o presidente do clube, Edno Melo, projetou a partida festiva para o mês de dezembro e afirmou que o dia ficará na história e na memória dos alvirrubros.

O presidente explicou por que ainda não dá para cravar uma data, mas se mostrou otimista com o andamento das obras.

A volta vai ser um dia festivo, para ficar na história e na memória dos torcedores alvirrubros por muito tempo. Estamos programando para o final do ano. A data não podemos cravar porque não depende só da gente. Depende da agenda de outros clubes, da própria CBF, liberação do estádio... Mas está muito próximo. Falta pouco mais de 10% para a conclusão das obras. Acredito que daqui a mais ou menos dois meses estará tudo organizado.

Edno revelou ainda algumas das ideias do Náutico e falou sobre como espera que seja o clima para o dia da volta aos Aflitos.

- O dia da volta vai ser um dia de recordar os velhos jogos do Náutico antes da ida para a Arena de Pernambuco. Vai ser aquele dia em que o torcedor vai acordar cedo, vai para os Aflitos, vai ter toda aquela atração ao redor, shows, atrações para as crianças também e, para coroar, um jogo com nosso time titular em campo.

O Náutico deixou de jogar nos Aflitos em 2013, quando começou a valer o contrato com a Arena de Pernambuco. Desde então, só atuou uma vez no antigo estádio no ano seguinte, em 2014, quando a Arena estava à disposição da Fifa para eventos relacionados à Copa do Mundo.

A relação com a Arena, no entanto, se destasgou. O contrato, que duraria 30 anos, foi rescindido em 2016. Com isso, a torcida começou a sonhar com a volta para casa, agora cada vez mais perto de se concretizar.



Por Rômulo Alcoforado - Globo Esporte