30/07/2017 às 22:42:11

Chegada de William acirra disputa no ataque

Novo candidato a artilheiro do Timbu chegou com status de titular.

Léo Lemos


Mais um candidato a artilheiro do Náutico chegou. William tem o currículo ao seu favor: bicampeão brasileiro pelo Santos (em 2002 e 2004), além de boas passagens por clubes como Ponte Preta e Avaí o colocam com status de titular da equipe. Enquanto ele espera regularização para poder estrear, quem está na equipe sabe que a atenção tem de ser redobrada porque a concorrência aumentou.

Mais de dois meses depois de iniciada a Série B, a briga pela artilharia do Timbu está congelada. Erick, que não marca desde abril, e Anselmo, que já deixou o clube e está no Paysandu, dividem o posto, com sete gols.

A última vez que Anselmo - hoje no Paysandu - marcou pelo Náutico foi no empate por 1 a 1, contra o Santa Cruz, no segundo jogo da disputa da terceiro lugar do Campeonato Pernambucano. Confronto realizado no dia 16 de maio. Erick, há mais tempo: contra o mesmo Santa, na última rodada do Hexagonal do Título do Estadual, no dia 10 de abril


- William é um jogador experiente que já passou em times grandes. Ele vem somar, nos ajudar, é experiente. A gente que é mais jovem quer aprender com ele. A soma vai ser grande. Eu vou continuar fazendo meu trabalho e todo mundo que joga lá na frente sabe a concorrência que é - disse Vinícius, artilheiro do Náutico na Série B, com três gols.

Mesmo sendo o pior ataque da Série B, com dez gols marcados, mais da metade deles foram marcados por dois atacantes. Gilmar, que marcou duas vezes e Vinícius, que fez três.

- Primeiramente, eu quero voltar a jogar, já que eu passei cinco jogos fora. E dentro de campo eu quero voltar a bater essa marca de sete gols. A marca é baixa. Mas eu quero fazer mais que isso - disse Vinícius.


Daniel Gomes, Globo Esporte