08/11/2016 às 11:53:12

Atletas do Náutico pedem apoio contra o Goiás



Paulo Uchôa


Tendo quase como obrigação vencer o Goiás se quiser seguir sonhando com o acesso para a Série A, os atletas do Náutico esperam por apoio da torcida na Arena de Pernambuco nesta terça-feira (8), mesmo após a derrota no último sábado (5) para o CRB, em Maceió. Pelas contas de Givanildo Oliveira, para garantir uma das vagas no G4 ao fim da competição é preciso vencer três dos últimos quatro confrontos. Por isso, como disse em coletiva, considera o duelo com o esmeraldino como de ‘vida ou morte’.

O meia Marco Antônio, que acabou falhando no lance do gol do CRB no último jogo do Timbu, assumiu a responsabilidade pelo erro, mas já afirma já ter ‘levantado a cabeça’ e mira o duelo com o Goiás para se manter na briga do acesso. “Assumo publicamente a responsabilidade pelo lance que originou o gol do CRB e peço desculpa. Porém, temos que pensar agora em fazer um grande jogo diante do Goiás, pois, até o momento, não houve uma folga na tabela que nos deixasse tranquilos. Será assim até o final da Série B”, declarou o atleta acreditando que diferença mínima na pontuação entre os times que brigam pelo G4 será mantida.

Outro que pede empenho total para o próximo jogo é o meia Vinícius. Após o resultado negativo, ele também pede para que a torcida não desanime e compareça em bom número ante os goianos. “Infelizmente a gente não conseguiu dar a alegria que queríamos a eles no jogo diante do CRB. No entanto, esperamos que eles sigam incentivando a equipe nesta reta final”, comentou.

Ainda com confronto direto contra o Avaí pela frente e outras duas partidas a serem realizadas em casa, o lateral Mateus Muller relembra que o Timbu depende apenas dele para chegar ao acesso. “Triste pela derrota para o CRB ter vindo dessa forma. O grupo sentiu, mas temos jogos pela frente, dois em casa. Vamos buscar nossos pontos em casa porque dependemos apenas da gente”, finalizou.

 

 

Rodrigo Malveira - Leia Já